700.000 anos de Umbanda
6a. aula

Deus
6 - Em que a Umbanda Acredita
Deus

Principio e fim. Único e  todo.
        
Deus está fora do limite de nosso entendimento; não podemos usar nossas palavras limitadas, precisamos senti-lo. Apesar das dificuldades e figuras de interpretações usadas por muitos, todos tem um sentimento comum de Deus; um sentimento bom, um sentimento de Amor e isto é o mais importante.

Quando imaginamos "nosso" Deus, quando os mulçumanos, judeus, católicos, budistas ou outros imaginam o "seu'" Deus, podemos divergir em várias idéias, mas, certamente, convergimos que o Amor é a grande força e atributo da divindade.
Vamos encontrar bases comuns para os que estudam, praticam ou são atendidos na Umbanda. Vamos criar um foco de convergência e a partir dele tentar
compreender a Umbanda de todos.
Como princípios deste foco convergente entendemos que a Umbanda acredita.
Amor
AMOR

O Amor é a força da união e o meio de se atingir ao grande objetivo universal. Como podemos imaginar Umbanda sem o Amor? O amor é:

- Meio para nosso crescimento
- Força de União Universal
- Único caminho para evolução
- Único caminho para nos encontrarmos
- Único caminho para chegar a Deus
- Agente propulsor da magia
Espírito
Evolução
Natureza
Natureza

Somos natureza. Não acreditamos em nós?

Nosso universo é regido  por leis naturais e o homem busca compreendê-las ao longo de sua evolução. A busca deste entendimento é denominada de ciência.

Muitos mistérios que se encontravam além das fronteiras do místico e do religioso; foram substituídos, foram esclarecidos  pela ciência sem deixar de existir o fato de que antes era místico ou oculto.

Dentro da natureza os seres pensam, têm inteligência e a Umbanda tem um princípio que é um processo mental, a Magia, que pode ser definida como força atuante ou influenciadora de caráter mental, criada pelo pensamento, pela vontade do ser e que também não deixa de ser um processo natural.
Espírito

De forma simplificada podemos entender  que o "Espírito" é  um dos  elementos da natureza que compõe um ser . O ser não está limitado ao seu corpo físico.

Um ser tem sua existência, mesmo não tendo um de seus corpos. Chamamos então de desencarnado o ser que não está utilizando  ou não utiliza um corpo físico.

A Umbanda acredita na comunicação com seres, com entidades, que não estão com seus corpos físicos, vulgarmente denominada de comunicação com espíritos ou com desencarnados dos mais diversos graus de evolução.

Veremos que, de fato, o ser é composto ou dividido em vários "corpos" ou veículos de consciência, sendo a denominação "espírito", dada pelos espiritualistas, uma simplificação de um grupo ou conjunto  de "veículos de consciência".
Evolução

Sabemos que o Universo está em mutação, está mudando todos os momentos. Sabemos que mudamos, envelhecemos, a natureza se altera, nosso planeta sofre várias alterações desde sua formação. Tudo está se modificando a todo o momento.

Estas modificações poderiam ser denominadas de evolução. Então tudo está em evolução. O Universo, os seres que o compõe, o conhecimento, enfim tudo. Os processos são diferentes para cada um, para cada natureza, mas o evoluir é comum a todos.

Para nós a evolução ocorre ao longo de nossa vida presente e nas próximas. Evoluímos em ciclos sucessivos, em diversas vidas, comumente chamadas de reencarnações.

Nossa evolução só pode ocorrer através de nossas ações. Somos seres inteligentes capazes de determinar nossas ações, a Lei do Carma trará os efeitos causados pelas causas que criamos com nossas ações.
Acreditamos que nossas ações devam ter como  princípios:

PUREZA - A busca da Verdade
HUMILDADE - O fim das vaidades e personalismos
SIMPLICIDADE - Tentar levar ajuda a todos (Universalismo)
Nossa Umbanda precisa ser Amor, pois a verdadeira Umbanda é Amor.

Vamos mostrar o caminho deste Amor a todos.
Vamos fazer entender que não existem  Umbandas, existe apenas uma e ela é da bondade, da caridade, do aprendizado, da seriedade para com a vida , do respeito ao próximo e à natureza.

Como Amar maltratando, ingerindo  ou sacrificando animais?
Como Amar cobrando pela caridade?
Como Amar prejudicando o próximo?
Como Amar interferindo na evolução?
Como Amar prejudicando a natureza?
Como Amar não praticando a verdade?
Como Amar abusando da vaidade?
Como Amar incentivando o preconceito?


Não devemos nos acomodar nas bases em que crescemos, elas também mudam, elas também evoluem.
Vamos humildemente evoluir com a eterna busca da verdade, somente ela pode fazer a mudança da vida, a mudança para o caminho do Amor Universal.


Não sejamos estrelas da Terra, sejamos a Luz das estrelas do Universo, que atinge a todos sem nomes e interesses próprios, mas com o calor que pode aquecer os corações que precisam da energia do Amor. 
Umbanda, o guia para a verdade interior  onde o Amor deve ser o seu rumo.
Resumindo

"A Umbanda verdadeira está a serviço da Lei Divina, da Aumpram, e só visa ao bem. Qualquer ação que não respeite o livre-arbítrio das criaturas, que implique em malefício ou prejuízo de alguém, ou se utilize de magia negativa, não é Umbanda".
(do livro "Umbanda, essa Desconhecida", Roger Feraudy - Ed. Conhecimento - "Umbanda sua face")


A Umbanda deve crescer pelo conhecimento e prática de bases mais sólidas, da busca da verdade e do conhecimento da Aumpram, da Lei Divina. A divulgação, estudo e compreensão da Lei Divina  fortalecerá a Umbanda, eliminando  mistificações e vaidades, atraindo ainda mais os verdadeiros interessados pela evolução espiritual.
Versão para impressão Clique aqui