Palavras
O estado de nossos corpos não reflete a realidade de nossas almas. Quando sofremos não estamos sendo punidos; é um lapso da magnitude do amor alcançado por nossa escolha.
Quando acordar com angústia e dor, lembre do Amor que tem dentro de si;  liberte-o e faça-o atingir seu próximo.
Se suas forças físicas falharem, use sua alma em nome do Amor; ela resplandece e ilumina o próximo com muito mais força que o sofrimento possa lhe atingir.
Quando acordar com dúvidas, tenha a certeza que o Amor sempre superou as injustiças e o entendimento de nossos destinos se dará quando compreendemos a libertação pelo Amor.
Quando acordar com outras certezas, duvide, pois a única verdade universal é a do Amor.
Quando acordar com revolta, rejubile-se e sinta por um momento o sofrimento do próximo. Coloque seu sofrimento na posição que merece no universo e coloque a força de seu Amor no lugar de seu sofrimento.
Quando acordar com amor, doe a seu próximo e receberá gratidão eterna de si próprio.
Quando acordar cansado, renove-se e viva sua evolução; cada momento de doação são séculos de paz.
Quando acordar feliz estaremos a seu lado para irradiar a felicidade aos necessitados. Nosso Amor, seu Amor.
Salve, meu Senhor.
                                    De um amigo chamado João